O labirinto psicológico de "Por trás dos seus olhos" Por Vanessa França
Uma série que deixa saudades até hoje do seu jeito leve de lidar com assuntos difíceis Por Lulu Ribeiro
Com a série chegando ao fim, podemos ver que a sala dos roteiristas é escura e cheia de horrores Por Pedro Soler e Lulu Ribeiro
Novo romance "O Sol Também É Uma Estrela" também aborda problemas atuais Por Estefania Goto
Realidade e fantasia se colidem para contar a história de um dos mais celebrados autores de todos os tempos Por Lulu Ribeiro

Nos cinemas

Pensando em simplicidade, o Cine&Cia. optou por dar uma repaginada na forma de levar ao seu público suas opiniões em relação aos lançamentos nos cinemas.

Ao invés de textos extensos e as vezes até mesmo complexos, iremos avaliar os títulos de forma mais simples e de fácil leitura, além também  de atribuir uma nota de 0 a 5 aos respectivos lançamentos, esperamos que gostem da novidade e estaremos abertos a criticas e sugestões.

Confira a seguir as criticas dos lançamentos da última sexta-feira, 28 de janeiro:

"Deixe-me Entrar" (Let Me In)

Direção: Matt Reeves
Roteiro: Matt Reeves
Elenco: Chloe Moretz, Kodi Smith-McPhee, Elias Koteas, Cara Buono
Gênero: Terror/Suspense
Duração: 116 min.
País de origem: Estados Unidos/Reino Unido
Lançamento: 2011
Classificação: 16 anos

Sinopse: Owen é um garoto que sofre a perseguição de colegas de escola. Ele conhece a estranha Abby e torna-se amigo dela. Owen não desconfia que na verdade sua nova amiga é uma vampira.

Opinião: Baseado no longa sueco "Deixa Ela Entrar", o diretor e roteirista Matt Reeves, do ruim "Cloverfield - Monstro", tenta ser o mais fiel possível ao original, porém, há certos exageros na trama, mas que não chega a influenciar completamente e o resultado é um ótimo filme, totalmente diferente de seu antecessor.
Algumas mudanças feitas na trama ajudam em certos pontos mas prejudicam em outros, mas não irei detalha-los, pois teria de contar o desfecho e assim estragar a graça do filme, mas vale adiantar que a cena final do original é bem mais interessante, porém o desfecho americano chega a ser mais bonita.
A atuação dos jovens Chloe Moretz no papel de Abby e Kodi Smith-McPhee que interpreta Owen é a prova de que existem atores promissores e que se depender deles ótimos filmes vem por aí.
No geral, o longa, é interssante, não perde seu ritmo e nos mostra a relação entre seres diferentes, mundos diferentes no amor e na amizade de um ser inocente com uma jovem imortal.





______________________________________________
"Inverno da Alma" (Winter's Bone)

Direção: Debra Granik
Roteiro: Debra Granik/Anne Rosellini
Elenco: Jennifer Lawrence, Shelley Waggener, Garret Dillahunt, Lauren Sweetser, John Hawkes
Gênero: Drama/Suspense
Duração: 100 min.
País de origem: Reino Unido
Lançamento: 2010
Classificação:  16 anos

Sinopse: Ree é uma jovem que tem de enfrentar muitos desafios. Sua mãe tem problemas mentais e Ree cuida sozinha da casa e dos irmãos menores. O pai dela sai da prisão em condicional, mas deixou a casa como garantia. Como ele está foragido, Ree resolve ir atrás dele, apesar de todos alertarem para que ela não se intrometa nesse assunto.

Opinião: Como dito na critica de "Deixe-me Entrar", o cinema está nas mãos de jovens talentosos, e em "Inverno da Alma" não é diferente.
No longa a jovem atriz Jennifer Lawrence, que interpreta Ree, nos remete a um mundo cruel e devastador, porém verdadeiro e até certo ponto humano, em determinadas cenas a atriz nos passa uma sensação de fobia e desespero de forma brilhante.
Vale ressaltar as atuações de todo o elenco e também a trilha do filme no melhor estilo Country Music além de belas paisagens em cenas tristes e melâncolicas.
Sensação no Sundance Film Festival do ano passado, o longa foi o grande vencedor de dois prêmios, Melhor Filme e Roteiro, "Inverno da Alma" é um filme imperdivel e que merece ser visto o quanto antes, porém consulte o roteiro de cinemas, pois ele está sendo exibido em circuito alternativo.



______________________________________________
"Amor & Outras Drogas" (Love & Other Drugs)

Direção: Edward Zwick
Roteiro: Edward Zwick/Marshall Herskovitz
Elenco: Jake Gyllenhaal, Anne Hathaway, Oliver Platt, Hank Azaria, Josh Gad
Gênero: Comédia/Drama
Duração: 113min.
País de origem: Estados Unidos
Lançamento: 2010
Classificação: 16 anos

Sinopse: Jamie acabou de arrumar um emprego como representante farmacêutico. Durante seu trabalho, ele conhece Maggie, que sofre de Mal de Parkinson. Ela não quer um relacionamento sério e o mulherengo Jamie parece ser um par ideal, mas os dois acabam apaixonados.

Opinião: Um filme apelativo que não consegui terminar de ver, ou seja, não tenho muito a dizer a não ser:
Anne pagando de peitinho, e Jake exibindo sua bundinha pra fazer a plateia rir, talvez possa estar enganado, e se de repente eu não tenha muitas opções para ver algum dia, quem sabe eu não tente assisti-lo novamente e mude de ideia, mas até lá...
Trocadilho sem graça: "Amor & Outras Drogas" é uma droga!





A seguir os trailers dos respectivos títulos:




Creditos vídeos e imagens:
"Deixe-me Entrar" Divulgação/Paramount
"Inverno da Alma" Divulgação/Califórnia Filmes
"Amor & Outras Drogas" Divulgação/Fox Films

Comentários