Cinema: "Um Novo Despertar"

Mel Gibson testa os limites da mente em novo filme
Por Amanda Santana (Blog Epifanias)


Mel Gibson como Walter Black (Paris Filmes)

Um Novo Despertar (The Beaver), filme dirigido e estreledo por Jodie Foster, estreia hoje (27/05) nos cinemas brasileiros. Apesar de não ter sido um sucesso de lançamento nos Estados Unidos, o filme alcançou boa repercursão após sua exibição no Festival de Cannes, que aconteceu no dia 17 de maio.

Divulgação
O longa conta a história de Walter Black (Mel Gibson), um empresário depressivo, dono de uma empresa de brinquedos à beira da falência. Após uma crise forte de desespero, o personagem se depara com o fantoche de um castor que mudará os rumos da sua vida.

Mesmo com o destaque que o castor recebo no filme, tornando-se até mesmo uma personalidade midiática, se surpreenderá muito quem achar que se trata de um filme filme "bobo".

Em muitos momentos o filme se divide entre o drama e a comédia. No entanto, é um drama intenso e predominante, que ganha leveza ao retratar os problemas mais sérios do personagem em situações curiosas e engraçadas.

Contudo, o filme traz uma grande reflexão sobre os limites do ser humano na sociedade atual. Questões relativas a problemas mentais são abordadas intensamente. além da depressão, assuntos envolvendo isolamento, trauma e fuga da realidade fazem parte da história de muitos personagens.

Apesar de não representar um grande lançamento do momento, o filme merece ser visto, tanto pelo roteiro emocionante, quanto pelas incríveis atuações de Mel Gibson e Jodie Foster (como a esposa). Muitos críticos já relacionam traços da história do filme à própria história de Gibson, principalmente a respeito do abuso de álcool, embora os problemas enfrentados por Walter seja bem distinto da vida do ator.



Comentários