Notícias: Morre Steve Ditko, co-criador de Homem Aranha e Dr. Estranho

Imagens: Marvel Comics

Desenhista e roteirista tinha 90 anos


Steve Ditko foi encontrado morto pela polícia de NY em seu apartamento, que vivia sozinho, em Manhattan, dia 29 de junho. Acredita-se que ele morreu cerca de dois dias antes. 

Primeiras capas de Homem-Aranha e Dr. Estranho, desenhos do Ditko.
 Fonte: NY Times
Ditko ao lado de Stan Lee é responsável pela criação de 2 icones dos quadrinhos mundiais, Homem Aranha, em 1962 e Dr. Estranho em 1963. Além destes personagens, Ditko também desenvolveu os vilões clássicos das histórias das histórias de Peter Parker, como Duende Verde, Abutre, Kraven, entre outros.

Stephen J. Ditko nasceu em Johnstown, Pensilvânia, em 2 de novembro de 1927. Pai funcionário de usina siderúrgica e mãe dona de casa, Stephen  inciou seu gosto por HQs graças a seu pai, que era fã de Batman e Spirit

Após o ensino médio, Ditko serviu ao exército na Alemanha, após a 2ª Guerra Mundial, atuando em um jornal militar. Seguindo a sua dispensa em 1950, mudou-se para Nova Iorque, e estudou com Jerry Robinson na Cartoonists and Illustrators School. Em 1953, Ditko já estava trabalhando como um artista de quadrinhos profissional, no estúdio dos criadores do Capitão América, Joe Simon e Jack Kirby, passou por uma tuberculose em 1954 e em 1955 iniciou sua trajetória na Marvel Comics, onde iniciou sua conhecida parceria com Stan Lee. Parceria essa interrompida em 1966 quando ele deixa a Marvel por divergências no trabalho com o próprio Lee, que era editor chefe. Na sua saída, trabalhou para editoras menores, entre elas, Charlton Comics, predecessora da DC Comics. Por ela, criou o Questão, Besouro Azul e Capitão Átomo. Em 1979, retorna a Marvel. Um dos seus últimos personagens, Garota Esquilo, 1992, é muito cultuado por fãs de quadrinhos.

Extremamente recluso, desde da década de 60 o roteirista se recusava a dar declarações públicas. Dizia que seu trabalho era o mais importante. Não há notícias de herdeiros de Ditko. Acredita-se que ele nunca tenha se casado ou tenha tido filhos.

Comentários