"Batem à Porta", novo longa de M. Night Shyamalan ganha trailer intrigante
"Moonage Daydream" continua em cartaz nos cinemas brasileiro
"I Wanna Dance With Somebody" tem empolgante trailer divulgado
"Dark Web: Cicada 3301", suspense estreia no digital
Sandman: Das HQs para as telas de todo o mundo, por Jackie Cristina

Play | "Abracadabra 2", por Cristina Gusmão




Os Feitiços das Irmãs Sanderson continuam... e mesmo passado 29 anos, consegue surpreender entregando um bom entretenimento

Por Cristina Gusmão


Se você era um fã da Sessão da Tarde do final dos anos 90, com certeza se divertiu muito com as Irmãs Sanderson em "Abracadabra", e sempre ficou com aquele gostinho de quero mais. Passados 29 anos do primeiro filme, a Disney nos oferece a continuação do longa de 1993.

Quando saíram as primeiras notícias referentes a produção e entre elas a de que o elenco original não participaria do filme, confesso que fiquei com pulga atrás da orelha. Primeiro: o clássico original não deixava um gancho para uma possível sequência. Segundo: a ausência de consagrados nomes que fizeram parte do elenco poderia prejudicar a obra. Entretanto, para nossa alegria, não é o que acontece.

O filme que conta com direção de Anne Fletcher e traz Kenny Ortega, diretor do original, assinando o roteiro, consegue surpreender e o retorno das irmãs funciona de forma coerente. O trio de protagonista, Bette Midler, Sarah Jessica Parker e Kathy Najimy, intérpretes das irmãs Sanderson continuam sendo um show a parte e, apesar de quase três décadas terem se passado, a química entre elas continua intacta. A fórmula que permitiu ao filme original ser um sucesso está de volta, devidamente atualizada, mas funcional, divertida e traz diversas referências ao sucesso do anos 90.

Já no que se refere as jovens protagonistas, mesmo com uma introdução de novos personagens bem feita, a apresentação é insuficiente e dessa forma não nos faz ter empatia por elas, ainda mais se levarmos em consideração de que estas são o fio condutor desta narrativa. O trio de jovens bruxas traz Lila Buckingham, Whitney Peak e Belisa Escobedo, além de Sam Richardson como Gilbert, o dono de uma loja de produtos esotéricos.

Além disso os números musicais (no plural mesmo), parecem ter sido forçados a caber no enredo como forma de repetir o belíssimo “I Put A Spell on You” um dos momentos memoráveis do original. Contudo são takes que não empolgam, mas também não tiram o brilho do longa.

De modo geral, é um bom entretenimento para o fim de semana, já que "Abracadabra 2" tem sua estreia diretamente no Disney+ nesta sexta-feira, 30. Os efeitos evoluíram, as cores estão mais vivas e certamente você vai sorrir ao final desta divertida e nostálgica experiência, principalmente se você gosta de encontrar referências, o filme está repleto delas, mas é preciso estar atento.

Realmente é uma pena que o filme não passará pelas salas de cinema, mas vale a pena fazer a pipoca, chamar a família toda, desligar a luz da sala e apertar o play, você terá 1h47min de diversão. E mais um lembrete: não desligue a TV, há uma cena pós crédito.